AUTOR

TEMPO DE LEITURA

2 min

PUBLICADO EM

06/10/2020

O Paraná quer conhecer quais os planos de viagens dos paranaenses na pandemia. A pesquisa foi lançada pela Paraná Turismo, é realizada  pelo Conselho Paranaense de Turismo (Cepatur) e pode ser respondida até a próxima segunda (12) neste link:http://www.questionarios.celepar.pr.gov.br/index.php/577375/lang-pt-BR.

A Covid-19 afeta a intenção de viagem do turista e, por consequência, todo o setor do turismo. Diante desse cenário, o retorno das atividades turísticas depende muito não somente do respeito a protocolos sanitários, mas também de como será o comportamento do turista, e a Sondagem dos Impactos da Covid-19 no setor de Turismo do Estado será medida nesta segunda pesquisa.

A primeira sondagem, entre 25 de maio e 7 de junho, teve a participação de mais de 2,5 mil pessoas, com margem de erro de 3% e confiabilidade de 95%. Os resultados mostraram que 82% dos respondentes tinham o hábito de viajar pelo menos uma vez por ano e que a principal motivação dos deslocamentos são viagens de lazer (83,6%).

Viagens canceladas

A pesquisa mostrou ainda que antes e durante a pandemia 68,9% tinham viagem programada para o primeiro semestre de 2020 e que 42,4% das viagens nacionais foram canceladas.

Já no período pós-pandemia, 31,7% responderam que fariam viagens somente havendo necessidade no segundo semestre deste ano, enquanto que 30,6% exigem que os equipamentos turísticos e meios de transporte adotem protocolos de segurança.

De acordo com Gilce Battistuz, da Gerência de Estatística da Paraná Turismo, o objetivo da consulta não é somente saber quais os planos de viagem dos turistas. “Queremos é entender se o nosso turista potencial continua tendo a intenção de viajar, até porque na primeira pesquisa eram os momentos iniciais da pandemia e muitas pessoas estavam preocupadas e não sabiam o que ia acontecer, a questão de segurança e protocolos era ainda muito vago”, explicou.

Diante disso existe a necessidade de verificar junto ao turista, que já tem maior conhecimento dos protocolos sanitários e quais estabelecimentos e atrativos já retornaram às atividades, se ele ainda tem a intenção de viajar. “Tudo isso é para confirmar se ele ainda tem essa intenção, já verificando nesses próximos meses também a questão da chegada do verão”, afirmou Gilce.

Fonte: Agência de Notícias do Paraná

Compartilhe essa história:

COMENTÁRIOS