AUTOR

TEMPO DE LEITURA

2 min

PUBLICADO EM

05/02/2020

BRINCAR NÃO TEM IDADE. Em Pomerode (SC) a atração é o Museu Mundo dos Brinquedos que tem um acervo de mais de três mil peças. Todas da coleção particular de Adolar Ferreira Filho e Jairo Albuquerque, e a mais antiga foi fabricada em 1920.

Sua criança interior vai pirar neste museu

Entre os brinquedos à mostra estão itens colecionáveis de marcas como Estrela e Bandeirantes. Só em triciclos e bicicletas são mais de duzentas unidades diferentes. Bonecas, jogos e carrinhos que reuniam crianças em diferentes gerações também estão expostos. 

O Museu Mundo dos Brinquedos tem mil m² de área, com decoração temática e estátuas de personagens. A visitação é das 9h às 18h e o ingresso custa R$ 25, com meia entrada para estudantes e idosos.

Sua criança interior vai pirar neste museu

Publicado na Now Boarding – fevereiro/2020

Pomerode

Na história, há duas versões para o surgimento do nome Pomerode. Em alguns livros consta que deriva de Pommeroda, designação de um Ribeirão formado pelos Ribeirões Rauffmann e Ribeirão do Saco (Pomerode Fundos) afluente do Rio do Testo, próximo ao centro da cidade.

Em outras obras, se registra que o nome está relacionado à origem dos fundadores, imigrantes vindos da Pomerânia (Pommern), norte da Alemanha. Literalmente, é a junção do radical Pommern e do verbo rodern, verbo alemão que significa tirar os tocos, tornar a terra apta para o cultivo.

De fato, os primeiros imigrantes que chegaram ao Brasil e ao Estado se dedicaram ao trabalho na terra e à agricultura familiar.

Os imigrantes que quisessem chegar até os seus lotes coloniais deveriam seguir a estrada de chão batido, partindo da sede da colônia Blumenau e alcançar a localidade de Salto Weissbach.

Lá, atravessavam a balsa em direção ao Badenfurt e ao Rio do Testo. Em seguida rumavam a pé ou em carroças pela estrada de chão batido à margem esquerda do rio, denominada Rua dos Atiradores e conhecida como Kleineseite.

Por muitos anos essa rua foi o importante elo entre Blumenau e o Vale do Rio do Testo.

A realidade mudou a partir de 1915, pois o governo municipal de Blumenau edificou a ponte coberta no centro de Pomerode (atual Rua Paulo Zimmermann), onde se observou o desenvolvimento das ruas centrais do município.

Fonte: Prefeitura Municipal

Compartilhe essa história:

COMENTÁRIOS