AUTOR

TEMPO DE LEITURA

0.8 min

PUBLICADO EM

05/09/2011

A casa Tango Porteño, em Buenos Aires, recria de forma mágica e misteriosa a época de ouro do tango com um roteiro no tempo pelos esses gloriosos anos pós Segunda Guerra quando a capital argentina respirava e desfrutava tango em todos os cantos da cidade.

Tango Porteño é um espaço onde vivem e convivem todas as personagens da Década de Ouro do tango. As grandes orquestras de Canaro, Fresedo, Piazzolla, De Caro, Gobbi, Biagi, De Angelis, Di Sarli, D’Arienzo, Lomuto, D’Agostino e, é claro, os inesquecíveis Troilo e Pugliese, que por aquele então desenvolviam todo seu potencial e, em uma saudável, porém exigente competição, disputavam o reinado no Chanteclair, Armenonville, Marabú, Tabaris,
Tibidabo e tantos outros que sumiram na implacável transformação da grande cidade. Aberta de segunda a domingo. Show com hora e meia de duração.

Publicado no Aeroporto Jornal – setembro/2011

Compartilhe essa história:

COMENTÁRIOS