AUTOR

TEMPO DE LEITURA

1.5 min

PUBLICADO EM

05/05/2012

Produzido pela Bodegas Nieto Senetiner, da província de Mendoza, Argentina, o Malbec D.O.C. (safras 2008 e 2009) é um vinho obtido a partir do estilo clássico – o que resulta numa bebida mais encorpada, marcada por passagem
de doze meses em barricas de carvalho francês. Além disso, possui coloração e aromas bem definidos, que exaltam a característica individual da cepa (a espécie de fruta empregada, no caso, a Malbec). Estas e demais etapas
de um rigoroso processo, são certificadas pela Denominação de Origem Controlada (D.O.C.) – Luján de Cuyo (que reconhece apenas os vinhos elaborados a partir da uva Malbec), conquistada em 2001.

Isso quer dizer que, pela primeira vez, um vinho elaborado nesta localidade específica vem com a certificação em
questão estampada no rótulo. De característica intensa, possui aromas complexos que resultam numa bebida elegante e com traços florais no sabor da uva. A produção da Malbec em Luján de Cuyo é beneficiada pelas comprovadas qualidades minerais encontradas no solo da região.

A passagem do vinho por barricas de carvalho francês, ainda garante ao produto um toque amadeirado, mas
que não se sobrepõe à estrutura geral de sabor. A prática, que é empregada para uma melhor preparação da bebida
para consumo, acaba contribuindo para melhoria de sua estrutura e amaciar os taninos, comprovando a capacidade do produto de enfrentar a madeira, uma garantia de qualidade superior da bebida.

Ideal para acompanhar carnes vermelhas grelhadas, carnes de porco, de caça e aves, massas com molhos encorpados, e churrasco. Os vinhos da Nieto são importados e distribuídos pela Casa Flora e Porto a Porto. Preço sugerido: R$ 36,64.

Foto: site Nieto Senetiner

Publicado no Aeroporto Jornal – maio/2012

Compartilhe essa história:

COMENTÁRIOS