AUTOR

TEMPO DE LEITURA

2.3 min

PUBLICADO EM

05/01/2017

Já pensou se no momento da sua viagem, momento tão esperado, você sentir aquela fisgada na coluna? Isso acontece muito com quem resolve “levar a casa na mala de viagem” ou para quem passa muitas horas sem ao menos dar uma esticada nos braços e nas pernas. Rogério Vidal, ortopedista e especialista em coluna do Hospital das Clínicas, dá dicas de exercícios para preservar a sua coluna na viagem e evitar aquela dorzinha…

Dica 1 – Atenção com a postura

A falta de postura pode fazer você trocar o lazer pela sala de fisioterapia.

Por isso, é importante ter cuidado com a postura durante a viagem tanto durante o trajeto quanto nos dias de descanso.

Evite fazer movimentos bruscos ou fora do que já está acostumado. Se a atividade for muito intensa, ela poderá gerar aquela dor incômoda de fadiga muscular que persiste por alguns dias e limita o lazer.

Dica 2 – Faça alongamentos

Caso a viagem seja longa, alongue pernas e braços. “O movimento simples de abrir e fechar as mãos pode melhorar a circulação no membro superior e acaba melhorando também todo o retorno do sangue e até a posição da coluna cervical”. Outro alongamento fundamental para aliviar a tensão e as dores nas costas é a movimentação do pescoço. “Movimente o pescoço de um lado e de outro. Umas cinco vezes de cada lado é o ideal. Esse simples movimento já vai aliviar bastante a tensão”, explica.

Dica 3 – Cuidado ao carregar as malas

O peso da mala também é um grande vilão para a coluna pela falta de postura na hora de carregar peso ou abaixar para levantar a mala. “É preciso retomar a atenção com a postura. Evite sobrecarga de peso na mochila de viagem; não faça movimentos bruscos e dê preferência para as malas com rodinhas quando possível”, diz.

Dica 4 – Comece já o trabalho de prevenção

Alongar o corpo durante o dia e fazer caminhas são medidas que podem auxiliar na prevenção de dores na coluna. Essas medidas simples podem também dar resultado quando os primeiros sintomas aparecem. “Primeiro é preciso que a pessoa se conscientize que o alongamento tem que fazer parte do dia a dia dela. Esse é um ponto fundamental para prevenir as dores. Lembrando que o alongamento deve ser feito antes, durante e depois do exercício, esforço”, alerta.

Estes exercícios para preservar a sua coluna na viagem farão seus passeios sem a preocupação de tomar remédio ou ir a um médico.

Publicado no Aeroporto Jornal – janeiro/2017

Photo by Joyce McCown on Unsplash

Compartilhe essa história:

COMENTÁRIOS