AUTOR

TEMPO DE LEITURA

2.8 min

PUBLICADO EM

03/11/2020

Faltam seis dias para a Copa Airlines voltar a operar regularmente no Aeroporto Internacional de Brasília. A companhia volta à capital federal com uma frequência semanal em novembro e já no mês seguinte, dezembro, passa a ter três saídas por semana. O aeroporto do Panamá é um dos principais centros de conexão da América Latina, com diversos voos ligando as Américas. O tempo de voo até a Cidade do Panamá é de 6h10.

A Copa Airlines atualmente conecta seus destinos no Brasil ao Panamá (Cidade do Panamá e David), México (Cidade do México e Cancún), Estados Unidos (Miami, Nova York, Washington DC, Los Angeles e Orlando), Canadá (Calgary, Montreal, Toronto e Vancouver), República Dominicana (Santo Domingo e Punta Cana), Equador (Quito e Guayaquil), Guatemala (Guatemala), Honduras (San Pedro Sula e Tegucigalpa), El Salvador (El Salvador), Porto Rico (Santa Cruz), Jamaica (Kingston e Montego Bay), entre outros destinos que são adicionados semanalmente a malha regional.

De acordo com Christophe Didier, vice-presidente Global de Vendas da Copa Airlines, poder retomar os voos na cidade é estratégico para a companhia. “Brasília está bem no centro, no coração do país. Agora, nossos clientes brasileiros terão mais essa opção para viajar conosco e conhecer as nossas medidas de biossegurança que ajudam a garantir uma viagem segura para todos. Estamos bastante empolgados com essa novidade”, declarou.

Consulta

A Inframerica, administradora do Aeroporto, vem tomando diversas medidas preventivas contra a Covid-19 e com a reabertura da área internacional as ações estão intensificadas.

A cada voo internacional a sala de embarque recebe uma desinfecção meticulosa com produtos sanitários de higienização de UTIs hospitalares. O espaço está todo sinalizado alertando os passageiros do distanciamento social. Há também pontos de álcool gel distribuídos em todo o percurso do passageiro e os bombeiros civis da concessionária estão medindo a temperatura de quem embarca e desembarca em Brasília.

“Aos poucos os países estão abrindo as suas fronteiras e estamos retomando as operações internacionais que tínhamos. Mas, estamos atentos a evolução e a disseminação da Covid-19 nas regiões que temos voos”, declara Roberto Luiz, head de negócios aéreos da Inframerica. Para o executivo, a retomada da Copa Airlines é importante para Brasília porque mostra a confiança da companhia nos protocolos brasileiros e na relevância do destino para a empresa.

“A Copa Airlines já opera em Brasília há quase dez anos, é um parceiro de longa data. Com a retomada do voo vamos ligar novamente os dois principais aeroportos com esta característica de centro de conexão. A capital federal com ligação para mais de 46 cidades (atualmente) e o Panamá com conexão para mais de setenta destinos no mundo”, avalia.

Para consultar os voos disponíveis em novembro e dezembro é possível acessar o site. A Copa Airlines também disponibiliza a Central de Reservas ou ainda as agências de viagens de sua preferência. Os passageiros que possuem um bilhete válido na Copa Airlines poderão gerenciar as mudanças de data sem qualquer taxa de alteração. Todos os passageiros devem cumprir os requisitos estabelecidos pela empresa e pelas autoridades de saúde e imigração do país de destino.

Fonte: Assessoria de Imprensa

Compartilhe essa história:

COMENTÁRIOS