AUTOR

TEMPO DE LEITURA

2.1 min

PUBLICADO EM

05/04/2018

MÊS PASSADO COMEMORAMOS MAIS UM DIA INTERNACIONAL DA MULHER. Essa data me estimulou a falar sobre protagonismo e sua relação com a autoestima. É sobre sair do papel submisso e assumir o lugar que é nosso!

Quando falamos sobre esse tema, uma ferramenta muito importante que nos ajuda a tomar as rédeas é a autoestima. E é assim que eu contribuo nessa missão.

Como podemos resgatar a autoestima?

A autoestima parte da maneira como nós nos olhamos. Quando vemos no espelho uma imagem que nos agrada, despertamos emoções positivas, que se estendem por todas as áreas da nossa vida. Como, por exemplo, fazer escolhas mais saudáveis, focar nas metas pessoais e profissionais, ser um modelo de bem-estar aos nossos filhos.

Autoestima não é apenas sobre se sentir feia ou bonita. E sim, se compreender como alguém que é especial, merecedora de tudo que o universo tem de melhor: amor, sucesso, saúde…

Então por que não acordar de manhã e vestir algo que te deixa feliz?!

Aliás, você já olhou seu guarda-roupas? Tudo que está lá realmente te deixa feliz? Ou será que existem muitas coisas que porque você ganhou ou herdou de alguém, ou fez uma compra que se arrependeu, acabou deixando guardada.

As roupas também têm esse poder de trazer sensações positivas e incentivadoras. Ou, pelo contrário, nos fazer sentir mal sobre nós mesmas.

Este texto é um convite para que a gente escolha se olhar com mais amor, exaltando o que temos de melhor, sem nos comparar ou buscar padrões preestabelecidos.

Como também olhar para as outras mulheres com este mesmo amor. Praticando a sororidade e a empatia.

Faça esse teste.

Se eu falar para você reparar em todos os objetos azuis que tem uma sala, e para você calcular mentalmente cada um deles. Decorando sua forma e onde estão localizados, você irá se lembrar dessa lista, certo?

Agora, se logo em seguida, eu perguntar sobre os objetos amarelos que estavam ali. Será que você irá se lembrar?

É assim que acontece conosco: quando focamos apenas em nossos defeitos, fica difícil lembrar das qualidades. Por isso coloque sua atenção em tudo que em você há de bom, e utilize as roupas, os acessórios e as maquiagens para destacá-los!

Em algum momento, você irá se acostumar a ver mais suas partes positivas.

Karla Giacomet, consultora de Imagem

Publicado na Now Boarding – abril/2018

Compartilhe essa história:

COMENTÁRIOS