AUTOR

TEMPO DE LEITURA

1.6 min

PUBLICADO EM

05/05/2014

As belezas dos Campos de Cima da Serra do Rio Grande do Sul têm chamado a atenção dos turistas brasileiros. Não apenas pelos cânions e trilhas, mas também pela aconchegante rede hoteleira. O Parador Casa da Montanha possui uma das propostas mais diferenciadas da região. Localizado numa fazenda entre Cambará do Sul e o canyon Itaimbezinho, no Parque dos Aparados da Serra, reúne vinte barracas térmicas, únicas no Brasil, confeccionadas especialmente para o lugar. A intenção do Parador é reproduzir alguns aspectos do clima de acampamento em meio à natureza e proporcionar uma experiência diferenciada a todos os hóspedes.

O objetivo é vivenciar uma aventura no cenário exuberante dos cânions da região da mesma forma de quem tem como hábito acampar em céu aberto, porém com todo o conforto e requinte que os hotéis Casa da Montanha oferecem. A inspiração para a construção do Parador Casa da Montanha são os lodges africanos. Além das barracas – divididas entre duas categorias, luxo e suíte – há ainda espaços de uso comum a todos os hóspedes.

No spa, acesso a sauna seca e jacuzzi aquecida, além de diversas cabines de banho bem equipadas. Na casa principal há um restaurante de pratos típicos, sala com lareira, pequena e variada biblioteca e sala de vídeo, para curtir as noites. O Parador tem uma parceria com a Coiote Adventure, empresa que oferece guia especializado com land rovers para passeios pela região. Pesca, arco e flecha, bicicletas, cavalos, caminhadas, turismo de aventura, rapel, passeios de bote e visitas aos principais cânions do Estado – Fortaleza, Itaimbezinho e Malacara – são algumas das opções disponíveis. A temperatura média no inverno é de -5°C e no verão, 26°C.

Publicado no Aeroporto Jornal – maio/2014

Compartilhe essa história:

COMENTÁRIOS