AUTOR

TEMPO DE LEITURA

1.9 min

PUBLICADO EM

05/08/2022

Aberto em 2013, o La Cucina Piemontese tem à frente o chef Leandro Polack, e como referência a seu nome, destaca a cozinha do Piemonte sem deixar de lado outras referências italianas.

Localizado em Alphaville em Santana de Parnaíba, São Paulo, tem uma varanda onde famílias podem se reunir junto com seus animais de estimação. A casa apresenta ambiente acolhedor e intimista com décor rústico-chique e móveis de madeira, tudo para colocar o cliente como se estivesse numa casa piemontesa.

O cardápio não é grande, mas suficiente para destacar a cozinha italiana. Na hora do almoço, o La Cucina Piemontese oferece pratos executivos, exceto aos feriados, (a partir de R$ 64) com a opção de escolher a entrada (pães, manteiga e conserva do dia ou uma salada ou uma taça de vinho). Entre as opções, o Gnocchi Pomodoro (gnocchi de batata servido com molho pomodoro tradicional, mussarela de búfala e manjericão) e Surf N Tur (spaghetti, camarões grelhados, alho, pimenta dedo de moça, gengibre, um toque de molho branco e crisp de presunto parma).

O clássico bolonhesa. Foto: Faceboo

No jantar o menu apresenta 7 variedades de antipasti, como um capeletti artesanal de carne servido em brodo feito na casa (R$ 44) e uma burrata de búfala, fundo de alcachofra, pesto de manjericão e nozes, servido com pão italiano (R$ 68). E são 11 os pratos principais, que vão desde o tradicional spaghetti com molho bolonhesa (R$ 74), passando Steak Dijon (mignon grelhado, molho de dijon e risoto de grana padano com um toque de pesto, a R$ 91), para chegar ao risoto de bacalhau (R$ 94) e o polvo grelhado servido com risoni al pomodoro, páprica e gremolata (R$ 104). Tudo pode ser acompanhado por diversos rótulos italianos que estão na carta de vinhos.

Um detalhe: o cardápio muda para que a casa possa trabalhar com ingredientes frescos e da estação.

Abre terça das 12h20 às 16h e das 19h às 22h; de quarta a sábado, das 12h30 às 16h e das 19h às 23h e domingo, das 12h30 às 16h.

Compartilhe essa história:

COMENTÁRIOS