AUTOR

TEMPO DE LEITURA

1.5 min

PUBLICADO EM

13/08/2014

Amanda Chain

Existem lendas sobre terras que certamente não persistem mais, mas é impossível estabelecer se houveram em tempos remotos. Terras mencionadas em tantas histórias mas cuja realidade é dúbia ou à qual atribuem uma presença apenas “espiritual”.

Terras que foram criadas por documentos falsos, mas que incentivaram viajantes a explorar a Ásia e a África. Há terras que permanecem até hoje na forma de ruínas, em torno das quais se criou fortes mitologias.

Uma fascinante obra de arte que resgata os mistérios que intrigam e despertam interesses na humanidade acerca de terras e lugares lendários. Terras e lugares pois alguns são verdadeiros continentes, como Atlântida, mas outros são países, castelos, lugares imaginários como a Ilha de Salomão, o castelo do Rei Artur e a lendária Avalon, Shangri-la, ou ainda Alamut, a terra dos assassinos, entre tantas outras estão na História das Terras e Lugares Lendários.

Lendários pois em torno deles surgiram lendas e ilusões que afirmam, durante séculos, sua existência real, mobilizando multidões que acreditaram de fato. Alguns são realmente lugares imaginários, frutos da criação de seus autores, como a Terra Média de Tolkien, a Ilha Misteriosa de Julio Verne, a Ilha de Robinson Crusoé, a casa de Sherlock Holmes, inspirados em locais reais mas com tal força que a fantasia e ficção também influenciam a nossa realidade.

Escrito de forma erudita, Umberto Eco proporciona, na obra História das Terras e Lugares Lendários, uma viagem pelos mais variados locais onde depositamos os desejos, sonhos, utopias e pesadelos que não se encaixam na nossa restrita realidade. Editora Record. Preço: R$ 165,00.

vendas@livrariadochain.com.br

Publicado no Aeroporto Jornal – agosto/2014

Compartilhe essa história:

COMENTÁRIOS