AUTOR

TEMPO DE LEITURA

3.1 min

PUBLICADO EM

04/12/2020

Rio de Janeiro 4/12/2020 – Plataformas digitais possibilitam hospedagem confortável para férias sem estourar o orçamento familiar

Novos tipos de hospedagens permitem que turistas façam viagem confortável e econômica e modernizam segmento

Os brasileiros querem mesmo colocar o pé na estrada e viagens são bem-vindas e desejadas pela maioria das pessoas, especialmente depois de tanto tempo de isolamento social. Uma pesquisa feita pelo buscador Kayak divulgou que 55% dos entrevistados querem viajar nos próximos seis meses. Viajar para a praia aparece em primeiro lugar no desejo dos turistas, seguido de destinos de natureza e grandes cidades.

A renovação do mercado de turismo começou mesmo antes da pandemia, quando novos tipos de hospedagens para fazer uma viagem mais econômica e confortável abriram caminho e formaram essa nova geração de turistas. O intercâmbio de casa para viagens de férias, com a BeLocal Exchange (http://www.belocalexchange.com/), chegou ao mercado para se somar a opções já firmadas como os sites de aluguel de casas, como Airbnb (http://www.airbnb.com.br/) e Vrbo (http://www.vrbo.com/pt-br/). 

Procurar hospedagem mais em conta e sem tarifas exorbitantes nessas plataformas digitais possibilita ao viajante escolher um lugar confortável e, ao mesmo tempo, mais econômico, o que é um caminho para férias que não estourem o orçamento familiar. Desde o planejamento da viagem, o que tem chamado a atenção é a busca por experiências que ofereçam o conforto e a liberdade esperada. Alugar uma casa, trocar um imóvel em um clube de intercâmbio por temporada, deixar o imóvel aos cuidados de outra pessoa, são opções que propiciam mais autonomia e menos gastos.

Hoje, os turistas têm muito mais acesso ao que o destino oferece e de como é possível planejar viagens mais equilibradas e sustentáveis. O novo turista procura por destinos alternativos, com a ideia não só de gastar menos, mas também visa não promover a superpopulação do local e apoiar o conceito de sustentabilidade no turismo. A tecnologia ajuda a fazer isso, já que é possível pesquisar pelo transporte mais conveniente e também por hospedagens que estejam mais de acordo com o que desejam e podem investir nas férias. 

Especialistas recomendam que, junto ao bom planejamento, o turista tenha flexibilidade na hora de fazer um plano de viagem, o que implica em estar aberto e ajustar o plano de viagem. Desapegar de lugares mais famosos é um deles, pois não vale colocar o orçamento em perigo. É possível esperar um pouco mais para realizar esse sonho e procurar lugares para gastar menos e que proporcionem boas experiências. Vale o mesmo para destinos brasileiros, nem sempre muito procurados.

Numa viagem, sempre é bom ficar mais leve e tirar os shoppings e as lojas de compras do roteiro, evitando trazer lembranças caras para a família e os amigos. Vale buscar algo mais original e local, pois a tentação pode ser avassaladora. Ainda, é bom para aproveitar atrações ao ar livre e curtir muito o ambiente externo depois de ficar tanto tempo em isolamento social.

Website: http://belocalexchange.com/

Compartilhe essa história:

COMENTÁRIOS